Foi assinado nesta quarta-feira (14/11), em Brasília, o contrato de empréstimo entre a Prefeitura de Sobral e o CAF – Banco de Desenvolvimento da América Latina, no valor de US$ 62,5 milhões (dos quais U$ 50 milhões são do banco), referentes à implementação do Programa de Desenvolvimento Socioambiental de Sobral (Prodesol), que tem como objetivo melhorar a qualidade dos serviços públicos por meio de investimentos em saneamento básico e ambiental, gestão socioambiental e requalificação da infraestrutura urbana. Participaram da solenidade o representante do CAF no Brasil, Jaime Holguín, o prefeito de Sobral, Ivo Gomes, o presidente do Senado Federal, Eunício Oliveira e a procuradora da Fazenda Nacional, Suely Dib de Sousa e Silva.

O programa, que terá contrapartida da Prefeitura no valor U$ 12,5 milhões, será executado em 5 anos, segundo o prefeito Ivo Gomes, que destacou na ocasião como o montante será investido no município. “Ele concentra 85% dos recursos em saneamento, leia-se abastecimento de água, rede coletora de esgoto e resíduos sólidos, mas o ‘grosso’ desse dinheiro, a maior parte, dentro do componente saneamento ambiental, é para rede coletora de esgoto. Então, eu ressalto, pela carência de recursos disponíveis no país e no Estado para essa natureza, que esse é o mais importante, porque esse componente vai levar 90% de cobertura de rede coletora de esgoto para a cidade de Sobral e mais um distrito, que é Aracatiaçu. Isso vai trazer mais qualidade de vida e, principalmente, mais saúde para as pessoas", afirmou o prefeito.

Para o representante do CAF no Brasil, “o projeto de desenvolvimento de Sobral segue os modelos mais elogiados de desenvolvimento urbano, com iniciativas complementares e voltadas para a melhoria da qualidade de vida da população e promoção social e econômica de longo prazo, com qualidade ambiental. Por isso, é uma honra para o CAF estar junto com o município nesse caminho”, afirmou Jaime Holguín.

Detalhes do Prodesol

As obras de ampliação da rede de coleta de esgoto envolvem a construção do esgotamento sanitário dos bairros Alto da Brasília, Alto da Expectativa, Campo dos Velhos, Cohab II, Dom Expedito, Cidade Dr. José Euclides, Junco, Parque Silvana e Sumaré, além do esgotamento sanitário dos distritos de Aracatiaçu e Jaibaras.

A capacidade de tratamento do esgoto coletado do município será ampliada através da construção de três estações de tratamento, que serão construídas no bairro Cidade Dr. José Euclides e nos distritos de Aracatiaçu e Jaibaras. Além disso, serão revitalizadas 32 estações elevatórias de esgoto (equipamento que bombeia o esgoto da rede para outra estação elevatória, ou para uma de tratamento) e 7 estações de tratamento de esgoto. Em relação ao abastecimento de água, será ampliada a capacidade de distribuição, através da construção de três adutoras, uma no Sumaré/José Euclides, outra na Várzea Grande/Alto da Brasília e a terceira no distrito de Jordão.

O Prodesol inclui também a melhoria das condições urbanas e da gestão ambiental, compreendendo a requalificação das áreas urbanas e recuperação de áreas degradadas. A área de mobilidade também será atendida com a promoção da acessibilidade, por meio da padronização de calçadas, com piso concreto estampado ou intertravado, nos bairros Terrenos Novos, Nava Caiçara e Vila União; pavimentação de vias urbanas, em pedra tosca, paralelepípedo ou piso intertravado; e ampliação da infraestrutura cicloviária.

Já o setor de infraestrutura social será atendido com a construção de núcleos de formação esportiva (Areninhas) e aquisição de equipamentos, construção do Centro de Saúde da Família do Residencial Nova Caiçara, reforma da Unidade Mista de Saúde do Bairro Sinhá Sabóia e aquisição de 15 academias ao ar livre.

O Programa inclui, ainda, o apoio à Guarda Civil Municipal, ao capacitá-la e dotá-la de equipamentos como veículos automotores (carros e motos), equipamentos de comunicação e de proteção individual e utensílios funcionais (bastão retrátil, fardamento e armamento não letal, por exemplo). Prevê também o reforço à instalação de sistema de videomonitoramento, assim como a construção de postos de apoio aos agentes de segurança, de forma a trazer maior eficiência às ações cotidianas de fiscalização, preservação e proteção dos espaços públicos.

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Sobral (SAAE) informa que terá equipes de sobreaviso para manutenção das redes de distribuição de água, das redes de coleta de esgoto e para manutenção eletromecânica, nesta quinta-feira (15/11), durante o feriado da Proclamação da República. Todas as atividades da autarquia serão retomadas normalmente na sexta-feira (16/11), a partir das 8 horas.

O SAAE trabalha para garantir água para todos os moradores de Sobral com regularidade, qualidade e segurança.

A Prefeitura de Sobral, por meio da Secretaria da Cultura, Juventude, Esporte e Lazer (Secjel), e Câmara Municipal divulgam, quarta-feira (14/11), o edital do Concurso de Presépios de Sobral 2018, que pretende resgatar a tradição popular dos presépios natalinos e estimular a criatividade da comunidade local.

As entidades, grupos ou indivíduos interessados em participar do concurso deverão preencher um formulário, de maneira presencial, no anexo da Câmara Municipal de Sobral (Praça Dom Jerônimo, S/N), até dia 25 de novembro, entre 8h e 17h.

Regulamento AQUI

A Prefeitura de Sobral, por meio da Secretaria da Cultura, Juventude, Esporte e Lazer (Secjel), informa que a edição desta quarta-feira (14/11) do passeio ciclístico Bike Sobral será adiada. As atividades serão retomadas normalmente na próxima semana, dia 21.

Servidores da Agência Municipal do Meio Ambiente (AMA), em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA) do Estado do Ceará, realizaram, nesta quarta-feira (14/11), visitas às ações do Projeto Paulo Freire, na Área de Proteção Ambiental (APA) Serra do Rosário, no distrito de Jordão. A ação teve como objetivo mapear e conhecer as experiências de projetos produtivos, como aqueles voltados ao reuso de água cinza (de banheiros) e ao uso do biodigestor, um equipamento que transforma resíduos orgânicos em biogás e fertilizantes. A ideia é integrar as atividades às ações que são desenvolvidas no Horto Municipal de Sobral, através de iniciativas como a produção de mudas nativas e frutíferas para quintais produtivos e para reflorestamento.

Posteriormente, será firmado um termo de cooperação técnica, entre AMA e SDA, e elaboração de um Plano de Trabalho, para definir ações que serão executas nos próximos anos. A partir de 2019, pequenos agricultores receberão cursos de capacitação, com foco em atividades agroecológicas.