A Secretaria dos Direitos Humanos, Habitação e Assistência Social (Sedhas), por meio da Coordenadoria dos Direitos Humanos (CDH), realizará, dia 18 de maio (sexta-feira), a Plenária para construção do Plano Municipal de Políticas Públicas de Direitos Humanos de LGBT. Na ocasião, será realizada uma mesa redonda com o tema "Dialogando sobre direitos, acesso e atendimento nas políticas públicas de Assistência Social, Saúde e Educação", no Centro de Convenções (Auditório Saturno), das 8h às 12h.

O evento contará com o apoio da Comissão da Diversidade e Gênero, da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Subseção Sobral; do coletivo "Transversar"; e da Associação Graúna. O público-alvo são servidores públicos e estudantes.

"Nosso objetivo é discutir com a comunidade acadêmica, com os servidores públicos e movimento LGBT o acesso deste público às políticas públicas, no âmbito do município. É um evento que realizaremos também para comemorar o Dia Mundial de Combate à LGBTfobia, o dia 17 de maio", destaca o coordenador dos Direitos Humanos da Sedhas, Francisco Silva.

Outras informações: (88) 3613-3238 (CDH).

Com o objetivo de mapear e conhecer de forma mais apropriada os distritos de Sobral, a Comissão do Cadastro Multifinalitário esteve reunida, nessa segunda-feira (07/05), com os articuladores dos distritos de Aracatiaçu, Jaibaras e Taperuaba. A reunião teve como objetivo a apresentação do projeto de cadastro. A previsão e de que os trabalhos em campo sejam iniciados nesta segunda-feira (14/05).

O projeto é conduzido pela Secretaria do Orçamento e Finanças, Secretaria do Urbanismo e Meio Ambiente e Procuradoria Geral do Município, com a finalidade de recolher informações para o planejamento de políticas públicas no município.


As escolas municipais da sede e dos distritos de Sobral realizaram, no sábado (05/05), uma série de atividades no Dia “D” de Busca Ativa Escolar. Foram realizadas visitas às famílias dos alunos faltosos e dos alunos com 100% de frequência; blitz de conscientização; caminhadas; café da manhã com as famílias; e plantão pedagógico, com entrega de resultados e conversa com os pais sobre a importância da parceria com a escola.

“De forma pioneira, Sobral já realizava ações para garantir a presença dos estudantes nas escolas, como ligar para as famílias quando a criança faltava sem justificativa e, até mesmo, ir buscá-las em casa. Para a criança e o adolescente aprenderem, a primeira premissa é estarem em sala de aula e por isso precisamos da parceira das famílias”, afirma o secretário da Educação de Sobral, Herbert Lima.

A iniciativa é uma das estratégias do “Fora da Escola Não Pode!”, promovido pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF). O objetivo é garantir que cada criança e adolescente esteja na escola e aprendendo. Desenvolvida por meio de diversas frentes de atuação, a iniciativa procura conscientizar diferentes atores responsáveis pela inclusão escolar, e também a sociedade em geral, sobre o problema da exclusão escolar e sugerir planos práticos para chegar a uma solução.

A Secretaria dos Direitos Humanos, Habitação e Assistência Social (Sedhas) realizou, nessa segunda-feira (07/05), no Memorial da Educação Superior de Sobral (MESS), uma formação sobre estímulos ao desenvolvimento educacional para os visitadores do Programa Criança Feliz.

Na perspectiva da realização de um trabalho intersetorial, a formação foi conduzida pela coordenadora do Centro de Educação Infantil Professor Arry Rocha, Ednir Oliveira. O evento contou com a presença dos 22 profissionais que realizam as visitas domiciliares às famílias beneficiárias do programa.

A Secretaria da Educação participa ativamente da execução do programa no município, através do Comitê Gestor, composto ainda por servidores das secretarias da Saúde (SMS) e da Cultura, Juventude, Esporte e Lazer (Secjel).

"Quando a rede de políticas intersetoriais é fortalecida, os usuários são beneficiados com um serviço público mais eficiente. Por isto, para nós que fazemos a gestão do programa, é um grande ativo poder oferecer capacitação para os nossos visitadores com uma profissional que tem grande experiência no estímulo ao desenvolvimento infantil", disse o gerente de Programas e Projetos da Sedhas, Francisco de Paulo Guimarães.

A Prefeitura de Sobral, por meio da Secretaria de Obras, Mobilidade e Serviços Públicos, disponibiliza um número 0800 para que a população possa solicitar consertos na iluminação pública. Os interessados podem ligar para o número 0800 727 7173, todos os dias da semana, 24 horas por dia.

Desde o início do serviço, a secretaria realiza em média 20 atendimentos por dia.