A- A A+ |

Com foco na prevenção da violência e no estímulo à cidadania e cultura de paz, a Prefeitura de Sobral vem desenvolvendo no município um projeto chamado Jovem Guarda. Em execução desde 2018, como uma das iniciativas do programa #OcupaJuventude, já atendeu mais de 800 adolescentes, entre 14 e 19 anos de idade, em situação de vulnerabilidade social.

Mesmo com a pausa durante o período da pandemia causada pela Covid-19, o projeto gerou integração e ajudou muitos jovens em suas quatro edições. Diante de vários cenários de delicadeza econômica e social, a Secretaria da Segurança Cidadã (Sesec), responsável pela organização do Jovem Guarda, tem facilitado a inserção de alguns jovens no mercado de trabalho.

O projeto me ajudou muito no estágio que eu estou hoje. Eu tive muitas aulas de como se comportar no primeiro emprego, como se comportar numa entrevista, e assim que eu saí eu pude colocar tudo isso em prática, por isso sou muito grata”, relatou a jovem Ederlandia Bezerra, de 18 anos. Ela é moradora do bairro Vila União e hoje é estagiária no Fórum Eleitoral de Sobral.

As habilidades em relações interpessoais também são trabalhadas nas vivências do Projeto, habilidades estas que se apresentam, por vezes, como desafiadora no cotidiano dos participantes. Mas, por meio do convívio e apoio que recebem no projeto, as formas de viver puderam ser transformadas. Ana Márcia, 18 anos, residente no bairro Dom José, relatou como o programa mudou seus pensamentos.

O Jovem Guarda mudou muito meu jeito de ver o mundo, pois assim como os outros jovens, eu tinha pensamentos muito inconsequentes, além de mudar também minha relação com a família, pois não tinha uma comunicação legal. Aprendendo sobre empatia, ética e moral, melhorou muito minha convivência”, disse ela.

PROJETO JOVEM GUARDA

Com cursos e oficinas nos contraturnos dos horários escolares, o projeto se volta a despertar nos jovens múltiplas habilidades que os habilitem a mudar suas realidades sociais, quebrando os limites da teoria dos módulos, com a promoção de novas oportunidades no mercado de trabalho.

Os principais eixos trabalhados no programa são: Jovem Mediador, Jovem Cidadão Ativo e o Seu Território, Desenvolvimento Pessoal e Protagonismo Jovem e A Linguagem do Jovem: Arte e Esporte. A formação ocorre semestralmente e oferece fardamento, material de apoio e uma Bolsa-Auxílio de R$ 300,00.

Facebook
YouTube