IMPRESSO OFICIAL DO MUNICÍPIO Nº 75

 

14 de março  de 2002

 

PODER EXECUTIVO MUNICIPAL

 

LEI N° 343 DE 05 DE MARÇO DE 2002 - Dispõe  sobre a abertura de CRÉDITO ESPECIAL ao  orçamento do ano de 2002  e dá outras providências. A CÂMARA MUNICIPAL DE SOBRAL aprovou e eu sanciono a seguinte Lei: Art. 1° - Fica o Chefe do Poder Executivo autorizado a  abrir adicional ao orçamento vigente, na forma de CRÉDITO ESPECIAL, na quantia de R$19.415.235,00 (dezenove  milhões, quatrocentos e quinze mil, duzentos e trinta e cinco reais),   na forma dos anexos I e II desta Lei. Art. 2º - Os recursos para fazer face ao crédito que trata o artigo anterior  decorrem: - R$ 15.015.235,00 (quinze milhões, quinze mil e duzentos e trinta e cinco reais) da anulação de dotações orçamentárias, conforme anexo I desta Lei; - R$ 4.400.000,00 (quatro milhões e quatrocentos mil reais) do Convênio nº 001/02/SRH/CE  firmado com a Secretaria  de Recursos Hídricos do Estado do Ceará  em 10.1.02. Art. 3º - A classificação orçamentária, de que trata  o crédito proposto nesta Lei, fica incorporada ao Plano Plurianual 2002 – 2005 (Lei nº 340, de 17 de dezembro de 2001). Art. 4o – Os efeitos financeiros desta Lei retroagirão a partir de 2 de janeiro de 2002. Art. 5o - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JÚNIOR, em   05  de  março   de  2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal.

 

Gabinete do Prefeito                                              

02101 - Gabinete do Prefeito                                 

02101.0412200232.000 - Manutenção e Funcionamento Administrativo                                            

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 4.500,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              4.500,00  

                                Total da Entidade    4.500,00  

                                               

Procuradoria Geral do Município                                          

03101 - Procuradoria Geral do Município                                             

03101.0412200232.000 - Manutenção e Funcionamento Administrativo                                            

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 5.800,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              5.800,00  

                                Total da Entidade    5.800,00  

                                               

Secretaria de Desenvolvimento da Cidadania e Segurança                                     

04101 - Guarda Civil Municipal                                            

04101.0412200232.000 - Manutenção e Funcionamento Administrativo                                            

                                33903600 - Serviços de Terceiros Pessoa Física    40.000,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              40.000,00  

                                Total da Entidade    40.000,00  

                                               

Secretaria de Desenvolvimento da Gestão                                             

05101 - Secretaria de Desenvolvimento da Gestão                                

05101.0412200232.000 - Manutenção e Funcionamento Administrativo                                            

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 100.000,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              100.000,00  

                                Total da Entidade    100.000,00  

                                               

Secretaria de Desenvolvimento da Educação                                         

06101 - Secretaria de Desenvolvimento da Educação                                            

06101.12122000232.000 - Manutenção e Funcionamento Administrativo                                          

                                33903200 - Material de Distribuição Gratuita       15.000,00  

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 6.000,00  

06101.1236100712.023 - Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental                                           

                                31900900 - Salário-Família     50.000,00  

                                31201000 - Outros Benefícios de Natureza Social 100.000,00  

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 2.000,00  

06101.1236500702.022 - Manutenção e Apoio ao Desenvolvimento da Educação Infantil                                 

                                31900900 - Salário-Família     15.000,00  

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 2.000,00  

06101.1236400721.092 -  Construção da Faculdade de Medicina                                        

                                44905100 - Obras e Instalações              500.000,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              690.000,00  

                                Total da Entidade    690.000,00  

                                               

Secretaria de Desenvolvimento Social e da Saúde                                  

07101 - Fundo Municipal de Saúde                                       

07101-1030100252.028 - Manutenção e Funcionamento dos Serviços Municipais de Saúde                                              

                                31900900 - Salário Família     8.000,00

                                33901400 - Diárias Civil         50.000,00

07101.1030100332.027 - Funcionamento dos Centros Comunitários de Atenção Integrada à Saúde                                  

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 360.000,00

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              418.000,00

07102 - Fundo Municipal de Assistência Social                                   

07102.0824100172.024 - Atendimento a Demandas Especiais                                            

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 150.000,00  

07102.0824200182.024 - Atendimento a Demandas Especiais                                            

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 59.000,00  

07102.0824300152.024 - Atendimento a Demandas Especiais                                            

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 420.000,00  

07102.0836500162.022 - Manutenção e Apoio ao Desenvolvimento da Educação Infantil                                 

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 200.000,00  

07102.103060312.024 - Atendimento a Demandas Especiais                                              

                                33903200 - Material de Distribuição Gratuita       334.560,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              1.163.560,00  

                                Total da Entidade    1.581.560,00  

                                               

Secretaria de Desenvolvimento da Cultura e do Turismo                                      

08101 - Secretaria de Desenvolvimento da Cultura e do Turismo                                         

08101.1339200461.074 - Projeto Oficina Escola de Artes e Ofícios                                    

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 170.000,00  

08101.0412200232.000 - Manutençao e Funcionamento Administrativo                                            

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 250.000,00  

08101.1339200502.044 - Fomentar Manifestações Artístico-Culturais no Sítio Histórico                                 

                                33903200 - Material de Distribuição Gratuita       50.000,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              470.000,00  

                                Total da Entidade    470.000,00  

                                               

Secretaria de Desenvolvimento Econômico                                           

09101 - Secretaria de Desenvolvimento Econômico                                              

09101.0412400071.003 - Programa de Modernização Administrativa                                 

                                33903500 - Serviços de Consultoria       91.525,00  

09101.1545100061.028 - Implantação de Minidistrito                                         

                                33903600 - Serviços de Terceiros Pessoa Física    30.000,00  

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 8.000,00  

09101.1566100061.024 - Financiamento de Microempresários                                           

                                44905100 - Obras e Instalações              20.000,00  

                                45906100 - Aquisição de Imóveis          60.000,00  

09101.1745100061.090 - Construção, Implantação e Manutenção do Centro de Convenções                                            

                                33903000 - Material de Consumo          50.000,00  

                                33903600 - Serviços de Terceiros Pessoa Física    50.000,00  

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 64.000,00  

                                44905100 - Obras e Instalações              1.100.000,00  

                                44905200 - Equipamentos e Material Permanente 130.000,00  

09101.1957200032.053 - Realização de Missões Empresariais                                            

                                33903300 - Passagens e Despesas com Locomoção               5.000,00  

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 5.000,00  

09101.2218300062.055 - Realização de Estudos s/ a Eficácia de Projetos Financiados                                       

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 30.000,00  

09101.2266100061.020 - Elaboração do Cadastro Industrial do Município                                         

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 60.000,00  

09101.2866100061.049 - Urbanização de Lotes                                   

                                44905100 - Obras e Instalações              40.000,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              1.743.525,00  

                                Total da Entidade    1.743.525,00  

                                               

Secretaria de Desenvolvimento Rural                                    

10101 - Secretaria de Desenvolvimento Rural                                       

10101.2054400121.033 - Implantação de Dessanilizadores                                 

                                33903000 - Material de Consumo          40.000,00  

                                33903600 - Serviços de Terceiros Pessoa Física    15.000,00  

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 15.000,00  

10101.2054400131.036 - Implantação e Povoamento de Tanques-Rede                                              

                                33903000 - Material de Consumo          30.000,00  

10101.2060100141.038 - Implantação da Agricultura de Sequeiro                                       

                                33903600 - Serviços de Terceiros Pessoa Física    50.000,00  

10101.2060100141.039 - Implantação da Agricultura Irrigada                                             

                                33903600 - Serviços de Terceiros Pessoa Física    50.000,00  

                                44905100 - Obras e Instalações              300.000,00  

10101.2260200141.043 -Implantação de Apiários                                               

                                33903000 - Material de Consumo          30.000,00  

10101.2012200232.000 - Manutenção e Funcionamento Administrativo                                            

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 40.000,00  

                                33903600 - Serviços de Terceiros Pessoa Física    100.000,00  

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 60.000,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              730.000,00  

                                               

10201 - Departamento de Poços Tubulares                                          

10201.2054401002.057 - Perfuração e Instalação de Poços Profundos                                

                                33903000 - Material de Consumo          50.000,00  

                                33903600 - Serviços de Terceiros Pessoa Física    50.000,00  

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 50.000,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              150.000,00  

                                Total da Entidade    880.000,00  

                                               

Secretaria de Desenvolvimento Urbano                                 

11101 - Secretaria de Desenvolvimento Urbano                                    

11101.1545100621.054 - Ampliaçao e Manutenção do sistema de Comunicação                                

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 110.000,00  

                                44905200 - Equipamentos e Material Permanente 130.000,00  

11101.1545100631.055 - Realização de Reforma e Ampliação de Moradias                                       

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 58.500,00  

11101.1545100631.056 - Reconstrução de Unidades Habitacionais em Situação de Risco                                  

                                44905100 - Obras e Instalações              200.000,00  

11101.1545100631.057 - Reconstrução de Unidades Habitacionais em Áreas Críticas                                       

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 1.033.725,00  

                                44905100 - Obras e Instalações              343.025,00  

11101.1545100641.059 -Implantação de Conjuntos Habitacionais em Sistema de Auto-Construção                                 

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 96.000,00  

                                44905100 - Obras e Instalações              224.000,00  

11101.1545100641.060 -Desenvolver a Construção de Conjuntos Habitacionais                                                

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 340.000,00  

                                44905100 - Obras e Instalações              2.000.000,00  

11101.1551200651.061 - Construção de Unidades Sanitárias Domiciliares                                         

                                44905100 - Obras e Instalações              625.000,00  

11101.1554400691.091 - Construção da Barragem do Rio Acaraú                                       

                                44905100 - Obras e Instalações              5.500.000,00  

11101.1512200232.000 - Manutenção e Funcionamento Administrativo                                            

                                31901100 - Vencimentos e Vantagens Fixas Pessoal Civil     400.000,00  

                                31901300 - Obrigações Patronais           44.000,00  

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 20.000,00  

                                33903000 - Material de Consumo          90.000,00  

                                33903600 - Serviços de Terceiros Pessoa Física    50.000,00  

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 1.601.525,00  

                                44905200 - Equipamentos e Material Permanente 100.000,00  

                                               

11201.Usina Asfática                                            

11201.1575300672.090 - Manutenção e Funcionamento da Usina Asfáltica                                       

                                33903000 - Material de Consumo          672.000,00  

                                33903600 - Serviços de Terceiros Pessoa Física    120.000,00  

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 20.000,00  

                                44905200 - Equipamentos e Material Permanente 22.075,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              13.799.850,00  

                                Total da Entidade    13.799.850,00  

                                               

Secretaria Especial de Esportes                                             

12101 - Secretaria Especial de Esportes                                

12101.2781200782.083 - Programa de Desenvolvimento do Esporte                                  

                                33503900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 100.000,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              100.000,00  

                                Total da Entidade    100.000,00  

                                               

                                TOTAL GERAL    19.415.235,00  

 

 

Gabinete do Prefeito                                              

02101 - Gabinete do Prefeito                                 

02101.0412200232.000 - Manutenção e Funcionamento Administrativo                                            

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 4.500,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              4.500,00  

                                Total da Entidade    4.500,00  

                                               

Procuradoria Geral do Município                                          

03101 - Procuradoria Geral do Município                                             

03101.0412200232.000 - Manutenção e Funcionamento Administrativo                                            

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 5.800,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              5.800,00  

                                Total da Entidade    5.800,00  

                                               

Secretaria de Desenvolvimento da Cidadania e Segurança                                     

04101 - Guarda Civil Municipal                                            

04101.0412200102.999 - Aperfeiçoamento da Ações da Guarda Civil Municipal                                               

                                44905200 - Equipamentos e Material Permanente 40.000,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              40.000,00  

                                Total da Entidade    40.000,00  

                                               

Secretaria de Desenvolvimento da Gestão                                             

05101 - Secretaria de Desenvolvimento da Gestão                                

05101.0412200232.000 - Manutenção e Funcionamento Administrativo                                            

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 300.000,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              300.000,00  

                                Total da Entidade    300.000,00  

                                               

Secretaria de Desenvolvimento da Educação                                         

06101 - Secretaria de Desenvolvimento da Educação                                            

06101.1236100712.023 - Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental                                           

                                33903000 - Material de Consumo          273.000,00  

06101.1236500702.022 - Manutenção e Apoio ao Desenvolvimento da Educação Infantil                                 

                                33903000 - Material de Consumo          417.000,00  

                                               

                                               

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              690.000,00  

                                Total da Entidade    690.000,00  

                                               

Secretaria de Desenvolvimento Social e da Saúde                                  

07101 - Fundo Municipal de Saúde                                       

07101.1030100332.027 - Funcionamento dos Centros Comunitários de Atenção Integrada à Saúde                                  

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 360.000,00

07101.1030200342.028 - Manutenção e Funcionamento dos Serviços Municipais de Saúde                                              

                                33903900 - Serviços de Terceiro Pessoa Jurídica   58.000,00

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              418.000,00

                                               

07102 - Fundo Municipal de Assistência Social                                   

07102.0824100172.024 - Atendimento a Demandas Especiais                                            

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 150.000,00  

07102.0824200182.024 - Atendimento a Demandas Especiais                                            

                                33903500 - Serviços de Consultoria       4.000,00  

                                33903600 - Serviços de Terceiros Pessoa Física    5.000,00  

07102.0824300152.024 - Atendimento a Demandas Especiais                                            

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 470.000,00  

07102.0836500162.022 - Manutenção e Apoio ao Desenvolvimento da Educação Infantil                                 

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 200.000,00  

07102.1030600312.024 - Atendimento a Demandas Especiais                                            

                                31901100 - Vencimentos e Vantagens Fixas Pessoal Civil     30.000,00  

                                31901300 - Obrigações Patronais           3.300,00  

                                33903000 - Material de Consumo          284.460,00  

                                33903600 - Serviços de Terceiros Pessoa Física    16.800,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              1.163.560,00  

                                Total da Entidade    1.581.560,00  

                                               

Secretaria de Desenvolvimento da Cultura e do Turismo                                      

08101 - Secretaria de Desenvolvimento da Cultura e do Turismo                                         

08101.1339200461.074 - Projeto Oficina Escola de Artes e Ofícios                                    

                                31901100 - Vencimentos e Vantagens Fixas Pessoal Civil     134.100,00  

                                31901300 - Obrigações Patronais           14.900,00  

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 20.100,00  

08101.1339200462.036 - Manutençao e Funcionamento de Equipamentos Culturais                                         

                                31901100 - Vencimentos e Vantagens Fixas Pessoal Civil     150.000,00  

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 100.000,00  

08101.1339100501.016 - Construção, Restauração e Conservação da Infra-Estrutura do Sítio Histórico                                           

                                44905100 - Obras e Instalações              200.000,00  

08101.1339100501.015 - Construção e Conservação de Edificações no Sítio Histórico                                      

                                44905100 - Obras e Instalações              100.000,00  

08101.1369500521.018 - Construção, Restauração e Conservação da Infra-Estrutura Turística                                         

                                44905100 - Obras e Instalações              100.000,00

                                44905200 - Equipamentos e Material Permanente 50.000,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              869.100,00  

                                Total da Entidade    869.100,00  

                                               

Secretaria de Desenvolvimento Econômico                                           

09101 - Secretaria de Desenvolvimento Econômico                                              

09101.0412400071.003 - Programa de Modernização Administrativa                                 

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 8.000,00  

09101.0412400071.032 - Programa de Sistema de Qualidade                                               

                                33903200 - Material de Distribuição Gratuita       7.500,00  

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 186.025,00  

09101.0721200061.023 - Implantação do Centro de Lojística                                              

                                33903200 - Material de Distribuição Gratuita       8.000,00  

09101.1133300031.024 - Financiamento de Micros e Pequenos Empresários                                     

                                44905100 - Obras e Instalações              200.000,00  

09101.1133400042.041 - Realizar Oficinas, Cursos, Palestras e Seminários                                        

                                33903600 - Serviços de Terceiros Pessoa Física    25.000,00  

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 25.000,00  

09101.1545100061.028 - Implantação de Minidistrito                                         

                                33903300 - Passagens e Despesas com Locomoção               30.000,00  

09101.1566100061.024 - Financiamento de Microempresários                                           

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 40.000,00  

09101.1745100061.021 - Reforma da Infra-Estrutura do Distrito Industrial                                       

                                33903200 - Material de Distribuição Gratuita       50.000,00  

                                44905200 - Equipamentos e Material Permanente 130.000,00  

                                45906600 - Concessão de Empréstimos e Financiamentos    600.000,00  

09101.1957200032.053 - Realização de Missões Empresariais                                            

                                44905100 - Obras e Instalações              10.000,00  

09101.2218300062.055 - Realização de Estudos s/ a Eficácia de Projetos Financiados                                       

                                45906100- Aquisição de Imóveis           100.000,00  

09101.2266100061.020 - Elaboração do Cadastro Industrial do Município                                         

                                44905100 - Obras e Instalações              44.000,00  

09101.2369300042.046 - Apoio e Organização de Artesãos                                

                                45306100 - Aquisição de Imóveis          250.000,00  

09101.2575100051.022 - Implantação do Gás Natural                                         

                                44905200 - Equipamentos e Material Permanente 110.000,00  

09101.2575100051.026 - Implantação do Programa de Produção de Biomassa                                   

                                44503900 - Outros Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica     168.500,00  

                                44903900 - Outros Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica     50.000,00  

09101.2866100061.049 - Urbanização de Lotes                                   

                                33903900 - Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 40.000,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              2.082.025,00  

                                Total da Entidade    2.082.025,00  

                                               

Secretaria de Desenvolvimento Rural                                    

10101 - Secretaria de Desenvolvimento Rural                                       

10101.2054400121.033 - Implantação de Dessanilizadores                                 

                                44905100 - Obras e Instalações              70.000,00  

10101.2054400131.036 - Implantação e Povoamento de Tanques-Rede                                              

                                44905100 - Obras e Instalações              50.000,00  

10101.2060100141.038 - Implantação da Agricultura de Sequeiro                                       

                                44905200 - Equipamentos e Material Permanente 50.000,00  

10101.2060100141.039 - Implantação da Agricultura Irrigada                                             

                                44905200 - Equipamentos e Material Permanente 350.000,00  

10101.2060200141.043 -Implantação de Apiários                                               

                                44905200 - Equipamentos e Material Permanente 30.000,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              550.000,00  

                                               

10201 - Departamento de Poços Tubulares                                          

10201.2054401002.057 - Perfuração e Instalação de Poços Profundos                                

                                44905100 - Obras e Instalações              150.000,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              150.000,00  

                                Total da Entidade    700.000,00  

                                               

Secretaria de Desenvolvimento Urbano                                 

11101 - Secretaria de Desenvolvimento Urbano                                    

11101.1545100602.061 - Manutenção de Parques                                               

                                31900300 - Pensões                7.500,00  

                                31901100 - Vencimentos e Vantegens Fixas Pessoal Civil     64.500,00  

11101.1545100621.054 - Ampliaçao e Manutenção do sistema de Comunicação                                

                                44905100 - Obras e Instalações              240.000,00  

11101.1545100631.055 - Realização de Reforma e Ampliação de Moradias                                       

                                33504300 - Subvenções Sociais              58.500,00  

11101.1545100631.056 - Reconstrução de Unidades Habitacionais em Situação de Risco                                  

                                33903000 - Material de Consumo          200.000,00  

11101.1545100631.057 - Reconstrução de Unidades Habitacionais em Áreas Críticas                                       

                                33504300 - Subvenções Sociais              127.625,00  

                                33903000 - Material de Consumo          1.221.500,00  

                                33903600 - Serviços de Terceiros Pessoa Física    127.625,00  

11101.1545100641.059 -Implantação de Conjuntos Habitacionais em Sistema de Auto-Construção                                 

                                33504300 - Subvenções Sociais              20.000,00  

                                33903000 - Material de Consumo          280.000,00  

                                33903600 - Serviços de Terceiros Pessoa Física    20.000,00  

11101.1545100641.060 -Desenvolver a Construção de Conjuntos Habitacionais                                                

                                33504300 - Subvenções Sociais              146.250,00  

                                33903000 - Material de Consumo          2.047.500,00  

                                33903600 - Serviços de Terceiros Pessoa Física    146.250,00  

11101.1545100671.064 -Ampliação e Manutenção de Pavimentação Poliédrica                                 

                                31901100 - Vencimentos e Vantagens Fixas Pessoal Civil     36.000,00  

                                31901300 - Obrigações Patronais           4.000,00  

11101.1545100671.067 - Construção de Rodovias Viscinais                                               

                                31901100 - Vencimentos e Vantagens Fixas Pessoal Civil     27.000,00  

                                31901300 - Obrigações Patronais           3.000,00  

11101.1545100672.067 - Ampliação e Manutenção de Avenidas e Ruas                                            

                                31901100 - Vencimentos e Vantagens Fixas Pessoal Civil     36.000,00  

                                31901300 - Obrigações Patronais           4.000,00  

11101.1545100692.078 - Desenvolvimento da Infra-Estrutura                                            

                                44905100 - Obras e Instalações              3.200.000,00  

11101.1551200651.061 - Construção de Unidades Sanitárias Domiciliares                                         

                                33504300 - Subvenções Sociais              25.000,00  

                                33903000 - Material de Consumo          575.000,00  

                                33903600 - Serviços de Terceiros Pessoa Física    25.000,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              8.642.250,00  

                                Total da Entidade    8.642.250,00  

                                               

Secretaria Especial de Esportes                                             

12101 - Secretaria Especial de Esportes                                

12101.2781200782.083 - Programa de Desenvolvimento do Esporte                                  

                                33504300 - Subvenções Sociais              100.000,00  

                                               

                                Total da Unidade Orçamentária              100.000,00  

                                Total da Entidade    100.000,00  

                                               

                                TOTAL GERAL    15.015.235,00  

 

 

DECRETO Nº  419  DE 13 DE  DEZEMBRO DE 2001 - Declara de Utilidade Pública para fins de desapropriação o imóvel que indica, e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o art. 66, inciso XI da Lei Orgânica do Município c/c o Art. 2° e alínea  i do art. 5° do Decreto-Lei n° 3.365 de 21 de junho de 1941, e, CONSIDERANDO, a prescrição normativa descrita na alínea i art. 5° do Decreto-Lei n° 3.365 de 21 de junho de 1941, que considera de utilidade pública a abertura,  conservação e melhoramento de vias ou logradouros públicos;  a execução de planos de urbanização; o parcelamento do solo, com ou sem edificação, para sua melhor utilização econômica , higiênica ou estética; a construção ou ampliação de distritos industriais, DECRETA: Art. 1° -  Fica declarado de utilidade pública para  fins de desapropriação, uma casa de alvenaria situada na rua Mississipi, nº 88, na área denominada Pantanal Sinhá Sabóia, neste Município, pertencente à Sra. Maria Antônia Campos, com área de 27,26m² (vinte e sete metros e vinte e seis centímetros quadrados). Art. 2° - Fica a Procuradoria Geral do Município autorizada a proceder, por via amigável ou judicial, mediante prévia avaliação, a desapropriação prevista neste Decreto. Art. 3° - O imóvel descrito e caracterizado no Art. 1° deste Decreto, destina-se à urbanização da área denominada Pantanal Sinhá Sabóia. Art. 4° - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JR., em 13 de  dezembro de 2001. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal.

 

DECRETO Nº  420  DE 13 DE  DEZEMBRO DE 2001 - Declara de Utilidade Pública para fins de desapropriação o imóvel que indica, e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o art. 66, inciso XI da Lei Orgânica do Município c/c o Art. 2° e alínea  i do art. 5° do Decreto-Lei n° 3.365 de 21 de junho de 1941, e, CONSIDERANDO, a prescrição normativa descrita na alínea i art. 5° do Decreto-Lei n° 3.365 de 21 de junho de 1941, que considera de utilidade pública a abertura,  conservação e melhoramento de vias ou logradouros públicos;  a execução de planos de urbanização; o parcelamento do solo, com ou sem edificação, para sua melhor utilização econômica , higiênica ou estética; a construção ou ampliação de distritos industriais,  DECRETA: Art. 1° -  Fica declarado de utilidade pública para  fins de desapropriação, uma casa de alvenaria situada na rua Travessa São José, nº 885, na área denominada Pantanal Sinhá Sabóia, neste Município, pertencente ao Sr. Marcondes Edson Vieira de Sousa, com área de 21,62m² (vinte e um metros e sessenta e dois centímetros quadrados). Art. 2° - Fica a Procuradoria Geral do Município autorizada a proceder, por via amigável ou judicial, mediante prévia avaliação, a desapropriação prevista neste Decreto. Art. 3° - O imóvel descrito e caracterizado no Art. 1° deste Decreto, destina-se à urbanização da área denominada Pantanal Sinhá Sabóia. Art. 4° - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JR., em 13 de  dezembro de 2001. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal.

 

DECRETO N° 425 DE  02  DE JANEIRO DE 2002 - Declara de Utilidade Pública para fins de desapropriação, o imóvel que indica. O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o art. 66, inciso XI da Lei Orgânica do Município c/c o Art. 2° e alínea  l  do art. 5° do Decreto-Lei n° 3.365 de 21 de junho de 1941, e,  CONSIDERANDO, a prescrição normativa descrita na alínea l art. 5° do Decreto-Lei n° 3.365 de 21 de junho de 1941,  que considera de utilidade pública a preservação e conservação dos monumentos históricos e artísticos isolados ou integrados em conjuntos urbanos ou rurais, bem como as medidas necessárias a manter-lhes e realçar-lhes os aspectos mais valiosos ou característicos e, ainda, a proteção de paisagens e locais particularmente dotados pela natureza; DECRETA: Art. 1° - Fica declarado de utilidade pública para  fins de  desapropriação,  um  imóvel  pertencente ao Sr. Raimundo Nonato Ribeiro, situado na Av. Dom José, nº 1126 – Centro, Sobral-CE, com área de 337,30m² (trezentos e trinta e sete reais e trinta centímetros quadrados),  extremando-se: ao norte, com imóvel pertencente ao Pe. Egberto Rodrigues de Andrade, ao sul, com a Av. Dom José; ao leste, com a rua Dr. Monte e ao oeste, com imóvel pertencente ao Sr. Raimundo Arruda Carneiro.

Art. 2º - Fica a Procuradoria Geral do Município autorizada a proceder, por via amigável ou judicial, mediante prévia avaliação, a desapropriação prevista neste Decreto. Art. 3º - O imóvel aludido neste Decreto, tem por finalidade o funcionamento da Escola de Música do Município de Sobral. Art. 4º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JR., em 02 de janeiro de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal.

 

DECRETO Nº 431 DE 29 DE JANEIRO DE 2002 - Indica os membros do Conselho Municipal de Saúde do Município de Sobral,  e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL,  no uso das atribuições que lhe foram conferidas pelo inciso IV, art. 66 da  Lei Orgânica do Município, e, CONSIDERANDO  os Arts. 3º. e 4º. da Lei nº. 326 de 01 de outubro de 2001, que dispõe sobre a criação do Conselho Municipal de Saúde de Sobral, DECRETA: Art. 1° - O Conselho Municipal de Saúde do Município de Sobral terá a seguinte composição: I – Representantes da Secretaria de Desenvolvimento Social e  da Saúde: FRANCISCA LOPES DE SOUZA (efetivo); LUIZ ODORICO MONTEIRO DE ANDRADE (suplente); II – Representantes da Secretaria de Desenvolvimento da Educação: CRISTIANE COELHO FERREIRA GOMES (efetivo); KÁTIA SIMONE ALVES RIBEIRO (suplente); III – Representantes da Secretaria de Desenvolvimento  Urbano: RICARDO CRUZ PARENTE (efetivo); SÔNIA  MARIA SILVA FORTE (suplente), IV – Representantes da 11º.  Micro – Região de Saúde / Sobral - MARIA LUCILA MAGALHÃES RODRIGUES (efetivo);  FRANCISCA LEITE MENDONÇA ESCÓCIO (suplente); - V – Representantes das Prestadores de Saúde/Filantrópicos: - MANOEL VALÉRIO DE FRANCA – Santa Casa de Misericórdia de Sobral (efetivo); - VERA MARIA LOPES CARNEIRO – Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais - APAE (suplente);  VI – Representantes dos Prestadores Privados de Saúde: - VICENTE ABDIAS FERNANDES (efetivo);  - JOSÉ VALTER ARAÚJO FILHO (suplente); VII – Representantes de Profissionais na área de Saúde de nível superior: - FRANCISCA JÚLIA DOS SANTOS SOUSA (efetivo); - FRANCISCO IVAN RODRIGUES M. JÚNIOR (efetivo); - JANINE AZEVEDO NASCIMENTO (suplente); - FRANCISCO ROGER AGUIAR CAVALCANTE (suplente); VIII – Representantes dos Profissionais na área de Saúde de nível médio: - JOÃO BATISTA DE OLIVEIRA (efetivo);  - FRANCISCO FREITAS FILHO (efetivo); - MARCOS OLIVEIRA DA SILVA (suplente); - JOSÉ OTAVIANO LOPES FILHO (suplente); IX – Representantes de nível elementar e Agente Comunitário de Saúde: - FRANCISCO EXPEDITO HELCIAS ALVES (efetivo); - JOSÉ TORRES DE SOUSA (efetivo); - MARIA MONÇÃO BENTO (suplente); - FRANCISCA DAS CHAGAS MESQUITA (suplente);  X – Representantes dos Conselhos Locais de Saúde da Macro-Região I (Aracatiaçu, Taperuaba e Caracará): - RAIMUNDO GONÇALVES PEREIRA (efetivo); -  ADÃO  MAGALHÃES CORDEIRO (suplente); XI – Representantes dos Conselhos Locais de Saúde da Macro-Região II (Sinhá Sabóia, Dom Expedito e Patriarca): - JUSCELINO ALMEIDA MONTE (efetivo); - ANTÔNIO OCION PONTE (suplente); XII –  Representantes dos Conselhos Locais de Saúde da Macro-Região III (Jordão, Aprazível, Jaibaras, Rafael Arruda e Torto): - FRANCISCO VICENTE DA SILVA (efetivo);  - MARIA DE FÁTIMA FERREIRA AGUIAR (suplente); XIII – Representantes dos Conselhos Locais de Saúde da Macro-Região IV (Padre Palhano, Sumaré, Dom José, Bairro Santa Casa, Tamarindo e Bonfim): - EXPEDITO VIDAL DOS SANTOS (efetivo); - BENEDITA DE MATOS ALBUQUERQUE (suplente); XIV – Representantes dos Conselhos Locais de Saúde da Macro-Região V (Expectativa, CAIC, Alto da Brasília, Pedrinhas): -  JOSÉ VALMIR MOURA (efetivo); -  FRANCISCO JORGE FEIJÃO (suplente); XV – Representantes dos Conselhos Locais de Saúde da Macro Região VI (Terrenos Novos, Vila União, Junco, Alto do Cristo e Coelce): - MARIA DO SOCORRO FERREIRA (efetivo); - TEREZINHA MENDES DE PAIVA (suplente), XVI –  Representantes das Igrejas; - FRANCISCO ASSIS CARLOS (efetivo); - FRANCISCO ADY SOUSA OLIVEIRA (suplente) - XVII –  Representantes do MORHAN (Movimento de Reintegração das Pessoas Portadores de Hanseníase); -  CÉSAR AUGUSTO FERREIRA SILVA (efetivo);  -  FRANCISCO JOCILANIO NEVES DA COSTA (suplente),  XVIII – Representantes dos Portadores de Doenças Crônico Degenerativas e de Portadores de Deficiências Físicas;  - JOSÉ MONTEIRO DO MONTE (efetivo); - AFONSO MACHADO PORTELA (suplente), XIX –  Representantes dos Trabalhadores Rurais e do Sindicato dos Trabalhadores Rurais; - SELISVALDO PEREIRA LIMA (efetivo); - LUIZA CARNEIRO GABRIEL (suplente) XX – Representantes da Federação das Associações Comunitárias de Sobral;  - ANTÔNIO PEREIRA DA SILVA (efetivo); - MANOEL JOCÉLIO DOS SANTOS (suplente),            XXI – Representantes do CDL e dos Estudantes de Nível Superior da Área de Saúde (Enfermagem): - JOSÉ MOACIR RIBEIRO DIAS (efetivo); - FRANCISCO XEREZ PONTE NETO (suplente). Art. 2º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JR., em 29 de janeiro de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal.

 

DECRETO Nº 432 DE 20 DE FEVEREIRO DE 2002 - Qualifica, no âmbito do Programa Municipal de Publicização, o Instituto de Desenvolvimento de Tecnologias em Agropecuária e Recursos Hídricos. O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL,  no uso das atribuições que lhe foram conferidas pelo inciso IV, art. 6º da  Lei Orgânica do Município, DECRETA: Art. 1º - Fica qualificado como Organização Social, no âmbito do Programa Municipal de Publicização, o INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO DE TECNOLOGIAS EM AGROPECUÁRIA E RECURSOS HÍDRICOS, entidade sem fins lucrativos, com inscrição no CNPJ nº 04.790.296/0001- 43,  instituída sob a forma de associação, com sede na cidade de Sobral, situado no Perímetro Irrigado Aires de Sousa, Setor ‘06’, Bonfim e tem como finalidade o ensino, a pesquisa e o desenvolvimento de tecnologias na agropecuária e nos recursos hídricos. Art. 2º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, ficando revogadas as disposições em contrário. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA   GOMES   JÚNIOR, em 20 de fevereiro de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal.

 

DECRETO Nº 435 DE 20 DE FEVEREIRO DE 2002 - Qualifica, no âmbito do Programa Municipal de Publicização, o Instituto para Desenvolvimento de Tecnologias em Saúde da Família. O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL,  no uso das atribuições que lhe foram conferidas pelo inciso IV, art. 6º da  Lei Orgânica do Município, DECRETA: Art. 1º - Fica qualificado como Organização Social, no âmbito do Programa Municipal de Publicização, o INSTITUTO PARA DESENVOLVIMENTO DE TECNOLOGIAS EM SAÚDE DA FAMÍLIA, entidade sem fins lucrativos, com inscrição no CNPJ nº 04.776.677/0001-77, instituída sob a forma de associação, com sede na cidade de Sobral, provisoriamente situada na Rua Suíça, 612,  e tem como finalidade o ensino, a pesquisa, assistência e o desenvolvimento de tecnologias em Saúde da Família. Art. 2º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, ficando revogadas as disposições em contrário. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA   GOMES   JÚNIOR, em 20 de fevereiro de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal.

 

DECRETO N° 436 DE  25  DE FEVEREIRO DE 2002 - Enquadram no Plano de Carreira e Remuneração (PCR) do Grupo Ocupacional do Magistério (MAG), os servidores que indica. O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o art. 66, inciso IV da Lei Orgânica do Município, e, CONSIDERANDO, a prescrição normativa descrita no art. 7º e 8º da Lei nº 256 de 30 de março de 2000,  que organiza e define a organização do Grupo Ocupacional do Magistério e as linhas de transposições,  e, CONSIDERANDO, ainda, o que dispõe o artigo 29,32 e 33 da Lei nº 256 de 30 de março de 2000, DECRETA:  Art. 1° -  Ficam enquadrados no  Plano de Carreira e Remuneração (PCR) do Grupo Ocupacional do Magistério (MAG) , os servidores elencados na forma delineada nos Anexos I , II, III e IV  integrantes deste Decreto. Art. 2° - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JÚNIOR, em  25 de fevereiro  de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal.

 

DECRETO Nº 437 DE 25  DE FEVEREIRO DE 2002 - Declara de Utilidade Pública para fins de desapropriação, o imóvel que indica. O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o art. 66, inciso XI da Lei Orgânica do Município c/c o Art. 2° e alínea  i  do art. 5° do Decreto-Lei n° 3.365 de 21 de junho de 1941, e,  CONSIDERANDO, a prescrição normativa descrita na alínea i art. 5° do Decreto-Lei n° 3.365 de 21 de junho de 1941, que considera de utilidade pública a abertura,  conservação e melhoramento de vias ou logradouros públicos;  a execução de planos de urbanização; o parcelamento do solo, com ou sem edificação, para sua melhor utilização econômica , higiênica ou estética; a construção ou ampliação de distritos industriais, DECRETA: Art. 1° - Fica declarado de utilidade pública para  fins de desapropriação, um terreno medindo 66,00m de frente por 99,00m de fundos, equivalente a uma área de 6.534,00m² (seis mil, quinhentos e trinta e quatro metros quadrados), situado na rua Glória Catunda de Sousa, no bairro do Junco, nesta cidade, extremando-se: pela frente, com a rua Gloria Catunda de Sousa; pelo lado direito, com a rua Mar Del Plata; pelo lado esquerdo, com a rua Caramuru; e, pelos fundos, com casas do bairro Vila União, correspondente a quadra 31, hoje quadra 172 do loteamento Parque Joaquim Mariano, conforme matrícula nº 10368 do Cartório de Registro de Imóveis desta Comarca. Art. 2° - Fica a Procuradoria Geral do Município autorizada a proceder, por via amigável ou judicial, mediante prévia avaliação, a desapropriação prevista neste Decreto. Art. 3º - O imóvel aludido no Art. 1º deste Decreto tem por finalidade à construção de um reservatório d'água para melhorar o abastecimento d'água no Bairro José Euclides. Art. 4° - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JR., em 25 de fevereiro de 2001. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal.

 

DECRETO Nº 438 DE 05 DE MARÇO DE 2002 - Abre o CRÉDITO ESPECIAL oriundo da Lei Municipal nº 343 de 05 de março de 2002, na forma que indica. O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições legais que lhe confere o Art. 66, inciso IV da Lei Orgânica do Município, e, CONSIDERANDO, o que expõe o art. 1º da Lei Municipal nº 343 de 05 de março de 2002 e o art. 42 da Lei Federal nº 4.320 de 17 de março de 1964, os quais remetem Decreto do Poder Executivo à formalização  para a abertura do Crédito Especial, autorizado pela Lei Municipal em referência; DECRETA: Art. 1° - Fica aberto o crédito especial ao orçamento vigente no valor de R$ 19.415.235,00  (dezenove  milhões, quatrocentos e quinze mil, duzentos e trinta e cinco reais), na forma da autorização legislativa advinda da Lei Municipal nº 343 de 05 de março de 2002, na forma explicitada nos Anexos I e II deste Decreto. Art. 2°- Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JÚNIOR, em 05  de março de 2002. CID FERREIRA GOMES -Prefeito Municipal. RAMIRO CÉSAR DE PAULA BARROSO - Secretário de Desenvolvimento da Gestão.

 

ANEXO I  DO DECRETO Nº 438 DE  05 DE AGOSTO DE  2000

CRÉDITO ESPECIAL

 

120001- SECRETARIA DE AGRICULTURA E RECURSOS HÍDRICOS

12001  - SECRETARIA DE AGRICULTURA E RECURSOS HÍDRICOS

12001.04.18.112.1071 – Prom. e Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária...................................R$ 100.000,00

12001.04.18.112.1071.011.0017.0010.4230.00   -  Aquisição de Bens para Revenda.......................R$ 100.000,00 

Total da Unidade Orçamentária ....................................................................R$100.000,00

Total da Entidade ...........................................................................................R$100.000,00

 

ANEXO II  DO DECRETO Nº 279 DE 10 DE AGOSTO DE  2000

ANULAÇÃO DE CRÉDITO

 

120001 – SECRETARIA DE AGRICULTURA E RECURSOS HÍDRICOS

12001.04.18.112.1071 –   Prom. e Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária

3120....................................................................................................................R$ 100.000,00

Total da Unidade Orçamentária .................................................................R$100.000,00

Total da Entidade ........................................................................................R$100.000,00

 

DECRETO N° 439 DE 05 DE MARÇO DE 2002 -  Regulamenta o parágrafo único do artigo 21, da Lei Complementar nº 002/97, que cria o Contencioso Tributário Municipal, e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 66, inciso IV da Lei Orgânica do Município, e, CONSIDERANDO o disposto no parágrafo único do artigo 21, da Lei Complementar Municipal nº 002, de 19 de dezembro de 1997 (Código Tributário do Município de Sobral), CONSIDERANDO, ainda, a necessidade de regulamentar a organização, estrutura e competência do Contencioso Tributário Municipal, DECRETA: CAPÍTULO I - Do Contencioso Tributário Municipal  - Art. 1°-  Fica regulamentada a organização, estrutura e competência do Contencioso Tributário Municipal do Município de Sobral (CONTRIM), criado pelo Art. 21 da Lei Complementar 002, de 19 de dezembro de 1997 (Código Tributário do Município de Sobral). Art. 2° -  O CONTRIM é órgão central integrante da estrutura da Secretaria Municipal de Desenvolvimento da Gestão, diretamente vinculado ao titular da Pasta. CAPÍTULO II - Da Competência do CONTRIM - Art. 3°-  Compete ao CONTRIM decidir, no âmbito administrativo, as lides decorrentes de relação jurídica instaurada onde sejam partes o Município de Sobral e o sujeito passivo de obrigação tributária nas situações a seguir: I - exigência de crédito tributário; II - restituição de tributos ou penalidade pecuniária indevidamente pagos. § 1° - Compreende-se por crédito tributário aquele constituído de tributo, penalidade pecuniária, acréscimos moratórios e atualização monetária. § 2° - A competência prevista neste artigo fica restrita às situações oriundas da lavratura de autos de infração. Art. 4° - O CONTRIM tem competência para editar provimentos sobre matéria processual bem como sobre sua organização e funcionamento. Art. 5°-   A representação dos interesses do Município junto ao CONTRIM compete à Procuradoria Geral do Município, obedecidos os valores de alçada previstos neste Decreto. CAPÍTULO III - Da estrutura e organização do CONTRIM - Seção I - Da estrutura - Art. 6° -  O CONTRIM compõe-se dos seguintes órgãos: I - Conselho de Recursos Tributários (CRT), formado por uma câmara de julgamento; II - Divisão de Julgamento de Processos (DIJUP), em primeira instância administrativa. Seção II - Da presidência do CONTRIM - Art. 7° -  O CONTRIM será dirigido por um presidente, escolhido e nomeado pelo Prefeito Municipal, dentre servidores municipais, graduado em curso de nível superior, de preferência em Direito, de reconhecida experiência em assuntos tributários e notória  idoneidade moral, para cumprir mandato de dois anos, sendo permitida uma única recondução. Parágrafo Único -  O presidente do CONTRIM investe-se automaticamente na função de presidente do Conselho de Recursos Tributários (CRT). Art. 8° -  Compete ao presidente do CONTRIM: I - exercer a administração do órgão, expedindo os atos administrativos necessários; II - conceder licença aos conselheiros, na forma como dispuser o regimento interno; III - apresentar anualmente ao Secretário Municipal de Desenvolvimento da Gestão, relatório das atividades do CONTRIM; IV - encaminhar, mensalmente, para o setor competente cópias das decisões definitivas proferidas nos processos relativos a fatos que se constituam em crimes contra a ordem tributária, tipificados na Lei 8.137, de 27 de dezembro de 1990; e V - proferir voto de desempate, quando for o caso. Seção III - Do Conselho de Recursos Tributários (CRT) - Art. 9° -  O Conselho de Recursos Tributários (CRT), órgão de instância superior do CONTRIM, compõe-se de dois conselheiros titulares e dois suplentes, escolhidos dentre pessoas graduadas em curso de nível superior, de preferência em Direito, de reputação ilibada e reconhecida experiência em assuntos tributários, observado o critério de representação paritária. § 1° -  Os conselheiros titulares e suplentes terão mandato de dois anos, sendo permitida uma única recondução por igual período, observado o disposto no parágrafo seguinte. § 2° - O conselheiro suplente que tiver ocupado esta função por até dois períodos consecutivos poderá ser conduzido à condição de titular, na forma do parágrafo anterior. Art. 10 -  Os conselheiros titular e suplente representantes dos contribuintes serão indicados pela Associação Comercial e Industrial de Sobral e pela Câmara dos Dirigentes Lojistas de Sobral, através de lista dúplice, competindo ao Prefeito Municipal a sua escolha e nomeação. Art. 11 - Os conselheiros titular e suplente representante do Fisco Municipal serão indicados em lista dúplice pelo Secretário de Desenvolvimento da Gestão e escolhidos e nomeados pelo Prefeito Municipal. Art. 12- O CRT reunir-se-á na forma disposta em seu Regimento, para: I - editar provimentos em matéria processual e regimental; II - discutir e aprovar sugestões de modificação da legislação tributária;  III - alterar ou reformar o Regimento Interno do CRT; IV - conhecer e decidir sobre recursos voluntários interpostos pelo sujeito passivo e recursos de ofício, interpostos pelo julgador de primeira instância; V - apreciar pedidos de devolução de crédito tributário em processo de restituição oriundos de autos de infração indevidamente pagos; e VI - editar súmulas vinculantes. Art. 13 - Junto ao CRT funcionará um Procurador do Município, competindo-lhe:  I - manifestar-se, através da emissão de pareceres, oral ou escrito, nos processos administrativos submetidos a julgamento em segunda instância, acerca da legalidade dos atos da Administração; II -   representar administrativamente contra agentes do Fisco que, por ação culposa ou dolosa verificadas em processo administrativo tributário, causem prejuízo ao Erário Municipal. Parágrafo Único - O parecer a que se refere o inciso I, deste artigo, é dispensável nos processos cujos valores originários do crédito tributário sejam inferiores a três mil Unidades Fiscais de Referência do Estado do Ceará (UFIRCE). Seção IV - Da Divisão de Julgamento de Processos (DIJUP) - Art. 14- Compete à Divisão de Julgamento de Processos (DIJUP), conhecer e decidir, através dos julgadores de primeira instância, sobre a exigência de créditos tributários formalizados através da lavratura de autos de infração. Parágrafo Único - A função de julgador de primeira instância será exercida por servidor público municipal em efetivo exercício, lotado na Secretaria de Desenvolvimento da Gestão, graduado em curso de nível superior, de preferência em Direito, de reconhecida experiência em assuntos tributários e designado pelo titular da Pasta Fazendária Municipal. Art. 15 - São atribuições do julgador de primeira instância: I - conhecer e decidir sobre a exigência de créditos tributários constituídos através de autos de infração; II - recorrer, de ofício, das decisões contrárias, no todo ou em parte, ao Fisco Municipal, observadas as regras dispostas neste Decreto. Art. 16 -  São atribuições do diretor da DIJUP: I -  receber, analisar, distribuir e controlar os processos submetidos a julgamento de primeira instância; II – analisar e discutir o cabimento dos pedidos de perícia solicitados pelos julgadores de primeira instância; III – resolver as questões administrativas na ausência do presidente do CONTRIM; e IV -  apresentar, mensalmente, relatório de suas atividades à presidência do órgão. CAPÍTULO IV - Dos Princípios Gerais do Processo Administrativo Tributário - Art. 17 - O processo administrativo-tributário (PAT) reger-se-á pelos princípios da celeridade, simplicidade, economia processual, verdade material, contraditório e ampla defesa, além dos princípios gerais a que se refere o art. 37, da  Constituição Federal. CAPÍTULO  V - Do Processo Administrativo – Tributário - Seção I  - Do Contraditório e da Formação do Processo Administrativo – Tributário - Art. 18 -  Instaura-se a relação contenciosa administrativa pela impugnação à exigência do crédito tributário. § 1º - A exigência do crédito tributário é formalizada pela intimação regularmente feita ao sujeito passivo, seu mandatário ou preposto ou representante legal. § 2º - O impugnante poderá depositar em dinheiro, em qualquer fase do processo, o total atualizado do valor do crédito tributário exigido pelo auto de infração, para elidir a incidência de atualização monetária, a partir da efetivação do depósito, conforme dispuser a legislação tributária. Art. 19 - Considerar-se-á revel o autuado que não apresentar impugnação no prazo legal. § 1º - Declarada a revelia, formaliza-se o processo administrativo tributário referente ao crédito oriundo do auto de infração e se remeterá  à DIJUP, para análise dos aspectos formais do processo e posterior inscrição como dívida ativa do Município.  § 2º -  Os aspectos formais a que se refere o parágrafo anterior restringem-se somente ao controle de legalidade sobre vícios formais que possam ensejar nulidade do processo. § 3º - Caso seja verificada a ocorrência de vício formal, o julgador devolverá o processo à origem para que a irregularidade seja sanada e o crédito tributário inscrito como dívida ativa no setor competente. Art. 20 - A impugnação deverá conter: I - a indicação da autoridade julgadora a quem é dirigida; II - a qualificação do autuado;  III - as razões de fato e de direito em que se fundamenta; e IV - a comprovação de suas alegações. Parágrafo único - Quando requerida a prova pericial, constarão do pedido a formulação dos quesitos e a completa qualificação do assistente técnico, se indicado. Seção II - Das Partes e da Capacidade Processual - Art. 21 -     São partes no processo administrativo-tributário o Município de Sobral, o sujeito passivo da obrigação tributária, ou o requerente no procedimento de restituição. Parágrafo Único -   Todo sujeito passivo ou  requerente, em processo de restituição,  tem capacidade para postular junto ao  CONTRIM.  Art. 22 - A parte comparecerá ao CONTRIM pessoalmente ou representado por advogado legalmente constituído. Parágrafo Único -  A representação de que trata este artigo será conferida por meio de instrumento procuratório firmado pela parte ou pelo requerente. Seção  III - Do Procedimento - Art. 23 -. Aplica-se ao processo administrativo-tributário, a que se refere este Decreto, o rito ordinário. Parágrafo Único - Aos processos administrativo-tributários decorrentes de autos de infração lavrados por atraso de recolhimento de tributos municipais, descumprimento de obrigações acessórias e ao procedimento de restituição, aplicar-se-á o procedimento  sumário. Seção IV - Da Gratuidade do Processo e do Regime Processual - Art. 24 - Os processos no CONTRIM são gratuitos e não dependem de garantia instância de qualquer  espécie. Art. 25 - Aplica-se, supletivamente, aos processos administrativo-tributários as normas do Código de Processo Civil. CAPÍTULO VI - Da Constituição do Crédito Tributário - Seção I - Do Auto de Infração - Art. 26 - As infrações à legislação tributária serão sempre apuradas através de auto de infração. § 1°  - O auto de infração será lavrado por servidor fazendário com competência para o exercício da fiscalização de tributos municipais, devidamente designado por ato da autoridade competente. § 2° A autoridade competente para designar o servidor que fará a fiscalização poderá expedir ato administrativo por período de tempo determinado e de conteúdo genérico para a realização de ações fiscais visando constituir o crédito tributário. Art. 27 - A ciência do auto de infração será firmada pelo autuado no próprio documento. § 1° - A contagem do prazo para impugnação do auto de infração ou pagamento do crédito tributário terá início no primeiro dia útil seguinte à ciência firmada pelo autuado. § 2° - Considera-se cientificado o autuado na data da juntada do aviso de recepção - AR - aos autos da ação fiscal, quando a intimação se fizer por esta modalidade. § 3° - A inexistência, no auto de infração, da assinatura do sujeito passivo não ensejará a nulidade do mesmo, desde que os prazos eventualmente suprimidos sejam reabertos, em qualquer fase do processo. § 4° Todos os documentos, livros, papéis, e arquivos eletrônicos, quando for o caso, deverão ser anexados ao auto de infração para demonstrar a infração. CAPÍTULO VII - Dos atos e Termos Processuais - Seção I  - Dos Atos e Formas Processuais - Art. 28 - Os atos e termos processuais independem de forma determinada, salvo quando a lei expressamente exigir, considerando-se válidos todos aqueles que, mesmo praticados de forma diversa, atinjam sua finalidade. Art. 29 - Os atos serão públicos, exceto quando o sigilo se impuser por motivo de ordem pública, caso em que será assegurada a participação da parte ou do seu advogado. Seção II - Das Intimações - Art. 30 - Intimação é o ato pelo qual se dá ciência a alguém dos atos e termos do processo, para que faça ou deixe de fazer alguma coisa. Parágrafo Único - Os despachos de mero expediente independem de intimação. Art. 31 - A intimação far-se-á sempre na pessoa do autuado e do fiador, ou do requerente em procedimento de restituição, podendo ser firmada por mandatário, preposto ou advogado regularmente constituído nos autos do processo, ou por empregado ou assemelhado, pela seguinte forma: I - por servidor fazendário, mediante entrega da correspondência;  II - por carta, com aviso de recepção - AR - ; e III - por edital. § 1º - Quando feita na forma estabelecida no inciso I deste artigo, a intimação será comprovada pela assinatura do intimado na via do documento que se destina ao Fisco. § 2º - No caso de recusa por parte do intimado em apor nota de “ciente” ao respectivo documento, o servidor fazendário que efetuar a intimação declarará essa circunstância e colherá as assinaturas de duas testemunhas, identificando-as pelo nome legível e completo, endereço e identidade, valendo assim como intimação. § 3º - Quando feita na forma prevista no inciso II, a intimação será comprovada pela assinatura do intimado, seu representante, preposto, empregado ou assemelhado, no respectivo AR, ou pela declaração de recusa firmada por servidor da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT). § 4º - Far-se-á a intimação por edital, por publicação no Diário Oficial do Município ou por afixação em local acessível ao público, no prédio em que funcionar a Secretaria de Desenvolvimento da Gestão, sempre que se encontrar à parte em lugar incerto e não- sabido, ou quando não se efetivar pelas formas indicadas nos incisos I e II deste artigo.§ 5º - A intimação por carta (AR) poderá ser realizada sem necessidade da observância da forma indicada no inciso I deste artigo.  § 6º - Considerar-se-á feita a intimação: I – na data da juntada ao processo do documento destinado ao Fisco, se realizada por servidor fazendário; II - na data da juntada ao processo do AR, se realizada por carta; e III - três dias após a data de sua publicação ou afixação, se realizada por edital. § 7º - A intimação deverá conter: I - a identificação do sujeito passivo da obrigação tributária ou do requerente no procedimento de restituição, juntamente com a do seu advogado, quando for o caso; II - a indicação do prazo, da autoridade a quem deve ser dirigida a impugnação ou o recurso e do endereço da repartição; e III - o resultado do julgamento contendo, quando for o caso, o valor do crédito tributário e o recurso cabível. § 8º - Para efeito do disposto no caput deste artigo, considera-se: I – preposto, o empregado a que se atribui poder de representação para praticar atos ou se efetivar negócios concomitantes à realização dos serviços ou das tarefas que lhe são cometidas, como funções ou encargos permanentes; II – mandatário, a pessoa investida de poderes outorgados pelo mandante, através de instrumento próprio.  Seção III -  Dos Prazos - Art. 32 - Os atos processuais realizar-se-ão nos seguintes prazos: I – dois dias, para os fiscais autuantes encaminharem à autoridade competente o auto de infração com os documentos que lhes devam acompanhar, contados da data do “ciente” ou da recusa do autuado; II – dez dias, para: a) a apresentação de defesa ou de recurso voluntário, ou a liquidação do crédito tributário no processo de procedimento sumário;  b) o autuado manifestar-se sobre o laudo pericial;  c) realização de perícias, contados da data de distribuição do processo;  d) proceder à intimação das decisões proferidas pelo órgão; III – vinte dias, para apresentação de defesa ou de recurso voluntário, ou liquidação do crédito tributário no processo de procedimento ordinário; IV – trinta dias, para:  a) a realização de perícia, contados da data de distribuição do processo;  b) julgamento em primeira instância, contados da data de distribuição do processo. § 1º Não havendo prazo especialmente previsto, o ato processual será praticado no prazo de cinco dias. Art. 33 - Os prazos serão contínuos, excluindo-se de sua contagem o dia do início e incluindo-se o dia do vencimento. Art. 34 - Os prazos só se iniciam ou vencem em dia de expediente normal na repartição em que tramite o processo ou deva ser praticado o ato. Art. 35 - Sempre que a autoridade saneadora observar a concessão de prazo inferior ao regularmente previsto para impugnação, recurso ou liquidação de crédito tributário, deverá proceder à imediata reabertura do prazo respectivo. § 1º -  Apresentada a impugnação ou o recurso no prazo concedido ao autuado, mesmo que inferior ao previsto para o rito, desde que não contestado, será considerada sanada a irregularidade, devendo, a partir daí, ser observado o prazo cabível. § 2º - A reabertura de prazo não elide a redução da multa nos termos da legislação pertinente. Art. 36 - Em nenhum caso, a apresentação, no prazo legal, de impugnação ou de recurso a órgão fazendário que não o legalmente indicado para apreciar o processo prejudicará o direito da parte, fazendo-se, de ofício, a imediata remessa ao CONTRIM. Seção IV  - Das Nulidades - Art. 37 - São absolutamente nulos os atos praticados por autoridade incompetente ou impedida, ou com preterição do direito de defesa, devendo a nulidade ser declarada de ofício pela autoridade julgadora. § 1º - Considera-se autoridade incompetente aquela a quem a legislação não confere competência para a prática do respectivo ato. § 2º - Ë considerada autoridade impedida aquela que: I – esteja afastada das funções ou do cargo; II – não disponha de autorização para a prática do ato; ou III – pratique ato extemporâneo ou com vedação legal. § 3º - A participação de autoridade incompetente ou impedida não dará causa à nulidade do ato por ela praticado, desde que dele participe uma autoridade com competência plena e no efetivo exercício de suas funções. § 4º - Nenhum ato será declarado nulo se da nulidade não resultar prejuízo para as partes, considerando-se nulidades absolutas, não sanáveis, as hipóteses previstas nos §§ 1º e 2º deste artigo. § 5º - Não se tratando de nulidade absoluta, considera-se sanada se a parte a quem aproveite deixar de argüí-la na primeira ocasião em que se manifestar no processo. § 6º - Nenhuma das partes poderá argüir nulidade a que haja dado causa, ou para que tenha concorrido, ou referente à formalidade cuja observância só à parte contrária interesse. § 7º - No pronunciamento da nulidade, a autoridade declarará os atos a que ela se estende, chamando o feito à ordem para fins de regularização do processo.  § 8º - Quando puder decidir o mérito a favor da parte a quem aproveite, a autoridade julgadora não pronunciará a nulidade. Seção V - Das Provas - Art. 38 - Todos os meios legais são hábeis para provar a verdade dos fatos em litígio. Art. 39 - Os órgãos do CONTRIM podem ordenar que a parte, ou terceiro, exibam documento, livro ou coisa, que estejam ou devam estar na sua guarda, presumindo-se verdadeiros, no caso de recusa injustificada, os fatos a serem provados pela exibição, podendo, também, ouvir pessoas para esclarecimento dos fatos. Art. 40 - A prova pericial consiste em exame, vistoria ou avaliação. Art. 41 - A autoridade julgadora indeferirá, de forma fundamentada, o pedido de perícia, quando: I - a prova do fato não depender do conhecimento especial de técnico; II - for desnecessária em vista de outras provas já produzidas; ou III - a verificação for impraticável. Art. 42 - Somente poderá ser requerida juntada de documento ou perícia na impugnação ou na interposição de recurso. Art. 43 - Na apreciação da prova, a autoridade julgadora formará livremente o seu convencimento, podendo determinar a realização de perícias que entender necessária. Seção VI - Dos Recursos - Art. 44 - Das decisões proferidas em primeira instância, contrárias ao autuado, no todo ou em parte, caberá recurso voluntário para o Conselho de Recursos Tributários, nos prazos de dez ou vinte dias, conforme o caso. Art. 45 - Quando as decisões a que se refere o artigo anterior forem contrárias, no todo ou em parte, ao Fisco Municipal, deverá o julgador de primeira instância interpor recurso de ofício para o Conselho de Recursos Tributários. § 1º - Consideram-se decisões contrárias, no todo, ao Fisco Municipal, as absolutórias e declaratórias de nulidades ou de extinção do processo tributário. § 2º - Consideram-se decisões contrárias, em parte, ao Fisco Municipal, aquelas que reduzirem de qualquer forma o crédito tributário.  Art. 46 -  Não serão objeto de recurso as decisões de primeira instância: I - contrárias, no todo ou em parte, ao Fisco Municipal, desde que o valor originário, exigido no auto de infração, seja inferior a 500 (quinhentos) UFIRCEs, ou qualquer índice oficial que a substitua; II - cuja extinção se der pelo pagamento, devidamente comprovado do valor exigido no auto de infração. CAPÍTULO VIII - Da Suspensão e da Extinção do Processo Administrativo – Tributário - Seção I - Da Suspensão do Processo - Art. 47 - Suspende-se o processo pela morte ou perda da capacidade processual do sujeito passivo ou requerente no procedimento de restituição, ou de seus representantes legais, promovendo-se a imediata intimação do sucessor para integrar o processo. Parágrafo Único - Durante a suspensão‚ é defeso à autoridade competente praticar qualquer ato no processo, ressalvado aqueles de natureza urgente, a fim de evitar dano irreparável ou aqueles atos de meros despachos internos. Seção II - Da extinção do processo - Art. 48 - Extingue-se o processo: I - sem julgamento de mérito: a) pela remissão; b) com a extinção do crédito tributário, pelo pagamento. II - com julgamento de mérito: a) quando confirmada em última instância a decisão absolutória de primeiro grau, objeto de recurso de ofício; b) com a extinção do crédito tributário, pelo pagamento, quando confirmada em última instância a decisão parcialmente condenatória de primeiro grau, objeto de recurso de ofício. CAPÍTULO IX - DO PROCEDIMENTO DE RESTITUIÇÃO - Seção única - Da Formação do Procedimento de Restituição - Art. 49 - Os tributos municipais, as penalidades pecuniárias e seus acréscimos legais, bem como as atualizações monetárias oriundas de autos de infração tidos como indevidamente recolhidos ao Fisco Municipal poderão ser restituídos, no todo ou em parte, a requerimento da parte interessada. § 1° - Julgado o pedido, total ou parcialmente procedente, observar-se-á o que segue:  I - a restituição total ou parcial de imposto dá lugar à restituição, na mesma  proporção, da multa, dos juros e demais acréscimos legais recolhidos; II - a importância a ser restituída será atualizada monetariamente pelos mesmos critérios aplicáveis à cobrança do crédito tributário. § 2° - A restituição poderá também ser efetuada em moeda corrente, na impossibilidade de se efetuar compensação com outros débitos da parte interessada. Art. 50 - O requerimento a que se refere o artigo anterior deverá conter: I - identificação do interessado; II - esclarecimentos circunstanciados da restituição pleiteada, indicando os dispositivos da legislação em que se fundamenta, se for o caso; III - comprovante original do recolhimento, o qual será devolvido ao requerente após a solução do pleito, com indicações, mediante carimbo, alusivas ao fato; e IV - auto de infração - CAPÍTULO X - Da súmula vinculante - Art. 51 - O Conselho de Recursos Tributários (CRT), em sessão de câmara, procederá a  edição de  súmulas vinculantes para dirimir conflitos de interpretação da legislação entre a câmara  de julgamento e a instância singular, ou entre os órgãos julgadores e os executores, e, ainda, para condensar as reiteradas decisões proferidas em processos administrativo-tributários  e em procedimento de restituição. Art. 52 - A jurisprudência administrativo-tributária será submetida, por intermédio do Presidente do CONTRIM, ao Secretário de Desenvolvimento da Gestão para efeito de homologação, vigorando a partir da publicação no Diário Oficial do Município (DOM). Parágrafo Único - As súmulas vinculantes proferidas pelo Conselho de Recursos Tributários, após homologação na forma do artigo anterior, produzirão eficácia contra todos e efeito vinculante, relativamente aos demais órgãos da Secretaria de Desenvolvimento da Gestão. Art. 53 - São condições indispensáveis à propositura da edição de súmulas vinculantes: I - ter legitimidade para propô-la: II - estar o pedido acompanhado de, no mínimo, três decisões aprovadas na Câmara de Julgamento; e III - exposição de motivos, por escrito. Parágrafo Único - Os critérios estabelecidos para a homologação de súmulas serão, também,  adotados para a sua modificação ou revogação. CAPÍTULO XI - Das Disposições Gerais - Art. 54 - Vagando os cargos de presidente e de conselheiro, o Chefe do Poder Executivo Municipal escolherá e nomeará seus substitutos, outorgando-lhes mandato para completar o período de seus antecessores. Art. 55 - Os servidores públicos municipais, quando no exercício das funções de presidente, conselheiro e julgador de primeira instância, ficarão afastados de seus cargos efetivos, computando-se-lhes o tempo de serviço para todos os efeitos legais e assegurando-se-lhes a percepção dos vencimentos e demais vantagens do cargo ou função. Art. 56 - O presidente e os conselheiros perderão o mandato em caso de prevaricação ou de desídia, caracterizada pela inobservância de prazos e falta às sessões, nos termos dispostos em regimento.Art. 57 - O presidente, os conselheiros e o procurador do Município, quando da efetiva participação nas sessões de julgamento do Conselho de Recursos Tributários, farão jus a vantagem remuneratória fixada em R$ 80,00 (oitenta reais), por sessão. Parágrafo Único - A remuneração de que trata este artigo será atualizada sempre e na mesma proporção que ocorrer majoração do valor da UFIRCE ou unidade oficial que a substitua, mantida a mesma relação percentual quantitativa. Art. 58 - Quando a Câmara de Julgamento não acolher a declaração de nulidade ou de extinção do feito proferida em primeira instância, deverá o processo retornar à instância originária para a realização de novo julgamento. Art. 59 - A majoração de multa em decorrência de novo enquadramento efetuado pela autoridade julgadora não induzirá  a nulidade do ato. Art. 60 - Tornada definitiva a decisão, o processo administrativo tributário  será encaminhado ao setor competente, para a devida inscrição do crédito tributário na dívida ativa do Município. Parágrafo Único - Da dívida inscrita será extraída certidão e encaminhada à Procuradoria Geral do Município para cobrança e execução do crédito tributário. Art. 61 - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JR., em  05 de  março de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal - RAMIRO CÉSAR DE PAULA BARROSO - Secretário de Desenvolvimento da Gestão.

 

DECRETO N°  440 DE 05 DE MARÇO DE 2002  - Institui o Conselho Curador do Fundo Municipal de Seguridade Social – FMSS,  e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL,  no uso das atribuições que lhe foram conferidas pelo inciso IV, art. 66 da  Lei Orgânica do Município, e, CONSIDERANDO  os Arts. 25 ,26 e 27 da Lei nº.190 de 15 de outubro de 1998, que Institui o Fundo Municipal de Seguridade Social – FMSS e dá outras providências, DECRETA: Art. 1° - Fica instituído o Conselho Curador do Fundo Municipal de Seguridade Social – FMSS, com a seguinte composição: I – 01  (hum) Representante do Executivo Municipal: TITULAR – LUÍS CLÁUDIO COUTINHO RODRIGUES; SUPLENTE – ANA VALDÉLIA PINTO DE VASCONCELOS FARIAS  -  II – 01 (hum)  Representante do Legislativo Municipal: TITULAR –  MANOEL RODRIGUES DA SILVA  - SUPLENTE – FÁBIA SABÓIA LOPES  - III –  01 (hum)  Representante dos  Servidores Ativos: TITULAR – JOSÉ ALOÍSIO DIAS  - SUPLENTE – MARIA ANÁLIA BARRETO DE PAULA  - IV – 01 (hum)  Representante dos Servidores Inativos: TITULAR – MARIA IRACI DE VASCONCELOS - SUPLENTE – MARIA DA CONCEIÇÃO GOMES VASCONCELOS  - V – 02 (dois)  Representantes da Sociedade Civil Organizada: TITULAR – PEDRO RIBEIRO DA SILVA  - SUPLENTE – JOSÉ EDILSON MENDES CARNEIRO - TITULAR –HÉLIO SOARES  - SUPLENTE – JOSÉ CAVALCANTE DA PONTE - Art. 2º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JR., em 05 de março de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal.

 

 

 

PODER EXECUTIVO MUNICIPAL

SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO DA GESTÃO

 

ATO Nº 37502002 - GP - O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o Art. 66, II da Lei Orgânica do Município c/c a Lei Municipal Nº 110/97, c/c a Lei Municipal Nº 296 de 30 de março de 2001. RESOLVE: Exonerar, o Sr. KELSON KELLY DE MELO SILVA,  do cargo de Provimento em Comissão de Coordenador na Área de Arrecadação, lotado na Secretaria de Desenvolvimento da Gestão, deste Município. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JÚNIOR, em 21 de fevereiro de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal -  RAMIRO CÉSAR DE PAULA BARROSO -  Secretário de Desenvolvimento da Gestão.

 

ATO Nº 3752/2002 - GP - O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o Art. 66, II da Lei Orgânica do Município c/c a Lei Municipal Nº 110/97, c/c a Lei Municipal Nº 296 de 30 de março de 2001. RESOLVE: Exonerar a Sra. REGINA CELI MAGALHÃES PAULA, Matrícula Nº 6448, do cargo de Provimento em Comissão de Coordenadora na Área de Administração e Patrimônio, lotada na Secretaria de Desenvolvimento da Gestão, deste Município. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JÚNIOR, em 21 de fevereiro de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal -  RAMIRO CÉSAR DE PAULA BARROSO -  Secretário de Desenvolvimento da Gestão.

 

ATO Nº 3752/2002 - GP - O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o Art. 66, II da Lei Orgânica do Município c/c a Lei Municipal Nº 110/97, c/c a Lei Municipal Nº 296 de 30 de março de 2001. RESOLVE: Nomear o Sr. KELSON KELLY DE MELO SILVA,  para ocupar o cargo de Provimento em Comissão de Coordenador na Área de Administração e Patrimônio, com lotação na Secretaria de Desenvolvimento da Gestão, deste Município. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JÚNIOR, em 21 de fevereiro de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal -  RAMIRO CÉSAR DE PAULA BARROSO -  Secretário de Desenvolvimento da Gestão.

 

ATO Nº 3753/2002 - GP - O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o Art. 66, II da Lei Orgânica do Município, c/c a Lei Municipal Nº 110/97, c/c a Lei Nº 296 de 30 de março de 2001, RESOLVE: Nomear, a funcionária REGFINA CELI MAGALHÃES PAULA, para ocupar o cargo de Provimento em Comissão de Assistente Técnico, com lotação na Secretaria de Desenvolvimento da Gestão, deste Município. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JÚNIOR, em 21 de fevereiro de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal -  RAMIRO CÉSAR DE PAULA BARROSO -  Secretário de Desenvolvimento da Gestão.

 

ATO Nº 3754/2002 - GP - O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o Art. 66, II da Lei Orgânica do Município, sob o alicerce no Art. 65 da Lei Nº 038/92, c/c o Art. 1º da Lei Municipal Nº 116 de 10 de junho de 1997, c/c o Decreto Nº 081 de 22 de julho de 1997, RESOLVE: Conceder, a funcionária REGFINA CELI MAGALHÃES PAULA, Matrícula Nº 6448, lotada na Secretaria de Desenvolvimento da Gestão, a gratificação por serviços relevantes representada pela Simbologia DAS-03. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JÚNIOR, em 21 de fevereiro de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal -  RAMIRO CÉSAR DE PAULA BARROSO -  Secretário de Desenvolvimento da Gestão.

 

ATO Nº 3770/2002 - GP - O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o Art. 66, II da Lei Orgânica do Município c/c a Lei Municipal Nº 110/97, c/c a Lei Municipal Nº 296 de 30 de março de 2001. RESOLVE: Nomear o Sr. FRANCISCO JOSÉ CARNEIRO LINHARES,  para ocupar o cargo de Provimento em Comissão de Coordenador na Área de Arrecadação, lotado na Secretaria de Desenvolvimento da Gestão, deste Município. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JÚNIOR, em 01 de março de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal -  RAMIRO CÉSAR DE PAULA BARROSO -  Secretário de Desenvolvimento da Gestão.

 

GABINETE DO PREFEITO

 

ATO Nº 3396/2002 - GP - O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o Art. 66, II da Lei Orgânica do Município, c/c a Lei Municipal Nº 307 de 20 de junho de 2001, c/c a Lei Nº 296 de 30 de março de 2001. RESOLVE: Nomear, o Sr. JUSCELINO DE ALMEIDA M ONTE, para ocupar o cargo de Provimento em Comissão de Agente Local I – Bairro – Dom Expedito, com lotação no Gabinete do Prefeito, deste Município. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JÚNIOR, em 01 de fevereiro de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal – LUÍS EDÉSIO SOLON -  Chefe do Gabinete do Prefeito.

 

ATO Nº 3404/2002 - GP - O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o Art. 66, II da Lei Orgânica do Município, c/c a Lei Municipal Nº 307 de 20 de junho de 2001, c/c a Lei Nº 296 de 30 de março de 2001. RESOLVE: Nomear, o Sr. MOISÉS SOARES DE SOUSA, para ocupar o cargo de Provimento em Comissão de Agente Local I – Tamarindo, com lotação no Gabinete do Prefeito, deste Município. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JÚNIOR, em 01 de fevereiro de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal – LUÍS EDÉSIO SOLON -  Chefe do Gabinete do Prefeito.

 

ATO Nº 3428/2002 - GP - O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o Art. 66, II da Lei Orgânica do Município, c/c a Lei Municipal Nº 307 de 20 de junho de 2001, c/c a Lei Nº 296 de 30 de março de 2001. RESOLVE: Nomear, o Sr. RAIMUNDO TOMÉ DE SOUSA, para ocupar o cargo de Provimento em Comissão de Agente Local I – Bairro – Coração de Jesus, lotado no Gabinete do Prefeito, deste Município. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JÚNIOR, em 01 de fevereiro de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal – LUÍS EDÉSIO SOLON -  Chefe do Gabinete do Prefeito.

 

ATO Nº 3441 - A/2002 - GP - O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o Art. 66, II da Lei Orgânica do Município e com fundamento no Inciso VII do Art. 35 da Lei Municipal Nº 038/92 de 15 de dezembro de 1991, c/c a Lei Nº 296 de 30 de março de 2001. RESOLVE: Declarar vago o Cargo de Provimento e Comissão de Agente Local I – Nível DNM-1, exercido pelo Sr. EDMILSON CRUZ DE SOUSA, em razão de seu falecimento. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JÚNIOR, em 25 de janeiro de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal – LUÍS EDÉSIO SOLON -  Chefe do Gabinete do Prefeito.

 

ATO Nº 3681/2002 - GP - O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o Art. 66, II da Lei Orgânica do Município, c/c a Lei Municipal Nº 307 de 20 de junho de 2001, c/c a Lei Nº 296 de 30 de março de 2001. RESOLVE: Exonerar, o Sr. JÚLIO LOPES ALVES, do cargo de Provimento em Comissão de Agente Local I – Sinhá Sabóia, com lotação no Gabinete do Prefeito, deste Município. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JÚNIOR, em 01 de fevereiro de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal – LUÍS EDÉSIO SOLON -  Chefe do Gabinete do Prefeito.

 

ATO Nº 3766/2002 - GP - O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o Art. 66, II da Lei Orgânica do Município, c/c a Lei Municipal Nº 307 de 20 de junho de 2001, c/c a Lei Nº 296 de 30 de março de 2001. RESOLVE: Nomear, o Sr. FRANCISCO SERAFIM DE SOUSA, para ocupar o cargo de Provimento em Comissão de Agente Local I – Parque Santo Antônio, lotado no Gabinete do Prefeito, deste Município. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JÚNIOR, em 28 de fevereiro de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal – LUÍS EDÉSIO SOLON -  Chefe do Gabinete do Prefeito.

 

ATO Nº 3767/2002 - GP - O PREFEITO MUNICIPAL DE SOBRAL, no uso de suas atribuições que lhe confere o Art. 66, II da Lei Orgânica do Município, c/c a Lei Municipal Nº 307 de 20 de junho de 2001, c/c a Lei Nº 296 de 30 de março de 2001. RESOLVE: Nomear, o Sr. FRANCISCO CORDEIRO DA SILVA, para ocupar o cargo de Provimento em Comissão de Agente Local I – Salgado dos Machados, lotado no Gabinete do Prefeito, deste Município. PAÇO MUNICIPAL PREFEITO JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES JÚNIOR, em 28 de fevereiro de 2002. CID FERREIRA GOMES - Prefeito Municipal – LUÍS EDÉSIO SOLON -  Chefe do Gabinete do Prefeito.

 

SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DA SAÚDE

 

PORTARIA N° 048/2002 - O SECRETÁRIO DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL E SAÚDE DO MUNICÍPIO DE SOBRAL, no uso de suas atribuições legais, e: Considerando o contido na portaria n° 2.201 de 05 de Novembro de 1996, que aprova a NOB-SUS 01/96; Considerando o instrumento normativa n° 01/97 de 15 maio de 1997, publicada no Diário Oficial da união em 24 de maio de 1997, Resolve: Art. 01 - Revogar  o artigo 2° da portaria de n° 60/2001 publica em 03 de maio de 2001. Art. 02 – Nomear os seguintes profissionais para compor a comissão municipal de Vigilância Sanitária:  Antônia Marques Avelino COREN: 27312;  Francisco Roger Aguiar Cavalcante CRMV: 1537;  Eury Celestino Lopes CRN: 3423;  Luis Cláudio Mapurunga da Frota CRF: 2393;  José Nilson Aragão CREA: 4912-D;  João de Assis Nobre RG: 779.192/SSP-Ce.;  Raimundo Nonato Braga RG:2001031002497/SSP-Ce. Parágrafo único: A participação dos profissionais na referida comissão não faz jus à gratificações ou representações extra-salariais. Art. 3 – Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, sendo revogadas as disposições em contrário. Sobral, 27 de Fevereiro de 2002 - Luiz Odorico Monteiro de Andrade - Secretário de Desenvolvimento Social e Saúde.

 

SERVIÇO AUTÔNOMO DE ÁGUA E ESGOTO - SAAE

 

PORTARIA Nº 06/02 - NOMEIA NOVA COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO PARA O SAAE DE SOBRAL. O DIRETOR INTERINO  DO SAAE DE SOBRAL, NO USO DE SUAS ATRIBUIÇÕES QUE LHE CONFERE O ATO Nº 1429/2001-GP,DE 09.01.2001, E CONSIDERANDO a necessidade de criação da nova Comissão Permanente de Licitação dentro da nova estrutura organizacional do SAAE, RESOLVE: ART.1º - NOMEAR a Comissão Permanente de Licitação, que será composta dos seguintes servidores: PRESIDENTE: Edson Norberto Sales - MEMBROS: Vicente de Paulo Gomes Parente - Domingos Siqueira Bessa - SUPLENTE: João Carlos Rodrigues. ART.2º - Esta portaria entra em vigor nesta data. Revogadas as disposições em contrário. GABINETE DO DIRETOR DO SAAE DE SOBRAL EM : 23.02.2002. FRANCISCO EDILSON PONTE ARAGÃO - DIRETOR DO SAAE DE SOBRAL.

 

PORTARIA N° 01/02 - O DIRETOR INTERINO DO SAAE DE SOBRAL, NO USO DE SUAS ATRIBUIÇÕES QUE LHE CONFERE O ATO N° 1429/2001- GP, DE 09.01.2001,CONSIDERANDO, o art.65 da Lei n.º 038 de 15 de dezembro de 1992 combinado com o art. 1º da Lei n.º116 de 10 de junho de 1997 e o Decreto n.º081 de 22 de julho de 1997; RESOLVE: Conceder a servidora FRANCISCA ODETE MESQUITA , Assistente de Administração, registro n.º081, lotada na Divisão Administrativa, a gratificação por serviços relevantes representada pela simbologia DAS-02. Publique-se, registre-se e cumpra-se. GABINETE DO DIRETOR DO SAAE DE SOBRAL EM 31/01/2002. FRANCISCO EDILSON PONTE ARAGÃO - DIRETOR DO SAAE DE SOBRAL.

 

ATA DA ASSEMBLÉIA GERAL DA ELEIÇÃO E POSSE DA NOVA DIRETORIA DA ASSOCIAÇÃO DOS MORADORES DO CONJUNTO COHAB II – BIÊNIO 2002-2003

 

Aos vinte e quatro dias do mês de fevereiro do ano de dois mil e dois, às oito horas teve início a votação em Assembléia na Sede Social da Entidade. Os trabalhos de votação presididos pelo Presidente Sr. Antônio José Rodrigues Vieira. Concorreu ao pleito apenas Chapa Única. Encabeçada pelo Sr. Jacques Jefferson Vasconcelos Mendes. Os associados em número de cento e vinte oito aptos a participar do processo eleitoral conforme Estatuto da Entidade e a Resolução Nº 001/2002 de 12 de fevereiro de 2002. A chapa única composta dos seguintes membros: Presidente: Jacques Jefferson Vasconcelos Mendes; Vice-Presidente: Antônio de Holanda; 1ª Secretária: Gerviz Maria Silva de Souza; 2º Secretário: José Alberto pontes de Siqueira; 1ª Tesoureira: Lúcia Rodrigues de Menezes; 2º Tesoureiro: Manoel Rodrigues de S. Filho; Diretor de Patrimônio: Geraldo Barbosa Teixeira; Diretor de Esporte: Orlando Carlixto da Silva; Diretor de Divulgação: Reginaldo Gonçalves de Aquino; Relações Públicas: Raimunda Maria Duarte; 1º Conselho Fiscal: Francisco Aírton da Costa; Suplente: Francisca Cavalcante Amaro; 2º Conselho Fiscal: Fernando Johnson Aragão Silva; Suplente: Benedito Matias Feijão; 3º Conselho Fiscal: Ana Irisnêde Pereira Conselho; Suplente: Salvelina Valderez Alves. A votação transcorreu na mais perfeita ordem. Cleyton Gomes Carneiro – Representante da Associação Comunitária Lysia Pimentel Gomes Sampaio Sales, Secretário desta Comissão, onde obteve do seguinte resultado: Aptos a votarem: 128 associados; compareceram e votaram 101 associados; abstenção de 27 associados, (0 votos), digo zero votos em branco e zero votos nulos. O candidato da Chapa Única Sr. Jacques Jefferson Vasconcelos Mendes foi eleito juntamente com os demais componentes com a maioria de 101 votos. A apuração do resultado terminou precisamente às 17:00 horas como previsto. Eu, Cleyton Gomes Carneiro, lavrei a presente Ata para constar os fatos. Sobral-CE, 24 de fevereiro de 2002. Cleyton Gomes Carneiro – Secretário da Comissão. Antônio José Rodrigues Vieira – Presidente da Comissão. Antônio Luciano Rodrigues dos Santos(Mesário da Comissão), Jacques Jefferson Vasconcelos Mendes, Lúcia de Menezes Mendes, Gerviz Maria Silva de Souza, Manoel Rodrigues de Souza Filho. Jacques Jefferson Vasconcelos Mendes – Presidente. Gerviz Maria Silva de Souza – 1ª Secretária.

 

PREFEITURA MUNICIPAL DE GROAÍRAS

 

AVISO DE LICITAÇÃO DE TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2002 – A Comissão Permanente de Licitação da Prefeitura Municipal de Groaíras torna público para conhecimento dos interessados que no dia 02 de abril de 2002, às 10:00 horas, fará realizar a Tomada de Preço Nº 001/2002, cujo objeto é a Aquisição de Medicamentos e Materiais Hospitalares para atender as atividades da Secretaria de Saúde, como também para doações a pessoas carentes neste Município. Sendo a valor da taxa do edital de R$ 5,00(cinco reais), maiores informações pelo fone (0xx88 – 647.1133) ou no prédio da Prefeitura Municipal, situada à Rua Vereador Marcolino Olavo, 770 – Centro. Groaíras-CE, em 14 de março de 2002. Antônia Célia Ximenes Melo – Presidente da Comissão de Licitação.

 

AVISO DE LICITAÇÃO DE TOMADA DE PREÇOS Nº 002/2002 – A Comissão Permanente de Licitação da Prefeitura Municipal de Groaíras torna público para conhecimento dos interessados que no dia 02 de abril de 2002, às 15:00 horas, fará realizar a Tomada de Preço Nº 002/2002, cujo objeto é a Contratação de Prestação de Serviços de Transporte de Professores e Alunos de Ensino Fundamental de diversas localidades para a sede do Município e Vice-Versa, como também estudantes do Ensino Superior da sede do Município para a Universidade Estadual Vale do Acaraú, na cidade de Sobral e Vice-Versa. Sendo a valor da taxa do edital de R$ 5,00(cinco reais), maiores informações pelo fone (0xx88 – 647.1133) ou no prédio da Prefeitura Municipal, situada à Rua Vereador Marcolino Olavo, 770 – Centro. Groaíras-CE, em 14 de março de 2002. Antônia Célia Ximenes Melo – Presidente da Comissão de Licitação.